A Palavra do Provedor

Mensagem da Mesa Administrativa
No dia do Luto Nacional pelas vítimas da COVID-19

    Hoje celebra-se em todo o nosso país um dia de luto nacional e de homenagem aos falecidos, muito em especial às vítimas da pandemia da doença Covid 19, decretado pelo Senhor Presidente da República Portuguesa, Professor Doutor Marcelo Rebelo de Sousa.

    Como não podia deixar de ser, a Santa Casa da Misericórdia de Nordeste associa-se a esta iniciativa, que se saúda, para recordar os nossos queridos utentes falecidos aquando do primeiro pico do surto epidemiológico que atingiu dramaticamente o nosso Lar, entre 7 de Abril e 25 de Maio deste ano, que deixou profundas sequelas a vários níveis.

    Queremos com este acto simbólico lembrar com emoção os que já partiram e manifestar às suas famílias, mais uma vez, a profunda tristeza, o pesar e a nossa solidariedade pelas perdas dos entes queridos.

   Para nós cada utente, desde que entra no Lar, passa a ser também um familiar nosso, tão presente e tão querido quanto a proximidade e a atenção nos permitem.

    Para a Misericórdia, isto é o mesmo que dizer, colaboradores (independentemente das funções que desempenhem), Direção Técnica do Lar e Mesa Administrativa, sem esquecer a Irmandade desta Instituição, que também se preocupa e muito, todos os nossos utentes falecidos tinham uma história que se contava com amor e dedicação à sua causa. 

    Neste dia, não esquecemos de maneira nenhuma os nossos utentes falecidos, assim como, não esquecemos, no balanço dos últimos meses, o valor da comunidade, que se organizou para nos apoiar, dos familiares que compreenderam a situação e dos colaboradores que nunca se recusaram a vir trabalhar nos momentos mais críticos permaneceram isolados na estrutura residencial para idosos, dia e noite, a trabalhar para proporcionar aos nossos queridos utentes cuidados de higiene e de ajuda médica e medicamentosa, alimentação, ajuda psicológica e emocional, arriscando a sua própria saúde e das suas famílias.

    Nesta hora de luto, de tristeza e dor nada voltará a ser como dantes. Não os podendo trazer à vida, recordamo-los e homenageamo-los, pelo que foram e representam para a Santa Casa, força e razão de ser de uma Instituição centenária, ao serviço do próximo e da comunidade nordestense.

Nordeste, 02 de Novembro de 2020

A Mesa Administrativa

José Carlos Barbosa Carreiro
Maria Serafina Medeiros
Leonor Cabral Branco